segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Precisava escrever: Confia em mim

 Hi girlies,


 Mais uma semaninha começando, vamos de momentinho reflexão? Dessa vez com um texto ma-ra-vi-lho-so do Rafael Magalhães, Precisava Escrever, vamos lá?

 "Hoje a oração vai sair na contramão. Hoje sou eu quem precisava escrever para você. Sabe, às vezes, fico me perguntando o que você espera de mim. Outras tantas, fico observando o quanto você ainda não sabe o que eu espero de ti. Nós estamos mais próximos do que você imagina. Você não precisa olhar para cima para me ver. Você não precisa fechar os olhos para que eu te escute. Não precisa morrer para me encontrar. Eu estou aqui o tempo todo. Te observando. Te cuidando. Te admirando. Torcendo em silêncio. Você é a minha obra prima. Uma pena que, nos momentos de alegria, muitas vezes, você me deixe de lado. Mas, nos instantes de dor, você sempre grita o meu nome. Está tudo bem. Eu já me acostumei. Se tudo que há em você foi criado por mim, então, talvez, essa ingratidão seja obra minha também. Tenho esperanças de que, um dia, você vai conseguir me entender de verdade. E, quem sabe, eu consiga te entender também. Não é nada fácil. Você me diz todos os dias que posso agir conforme a minha vontade, mas se sente injustiçado quando ela não coincide com a sua. Sabe, você precisa confiar mais em mim. Para ser bem sincero, a sua visão é muito limitada. Eu conheço as próximas páginas deste livro, você não. Aliás, fui eu que o escrevi. E o lápis e a borracha continuam em minhas mãos. Tenho grandes planos para você. Acalme o seu coração. Menos ansiedade, mais fé. Eu sei que não se lembra, mas foi você que escolheu assim. Planejamos tudo isso juntos. Acredite! Eu não colocaria um peso em suas costas que você não estivesse preparado para carregar. Eu conheço a sua força, os seus medos e os seus sonhos. Eu estarei ao seu lado no final de cada batalha. Nos sorrisos e nas lágrimas. Quando você precisar e quando menos merecer. Até mesmo, quando chegar a duvidar da minha existência. Porque você pode até se esquecer de mim, mas eu, como um bom pai, sempre me lembrarei de você."

 Mais textos como esse você encontra no site ou Instagram do P.E.

 Espero que tenham gostado!

 Beijinhos,

 Vivian.

Nenhum comentário:

Postar um comentário