quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Entrevista com Juliano Tchula

 Olá meus amores!


 Você pode não conhecê-lo, mas com certeza já ouviu uma música dele.

 A entrevista de hoje é com Juliano Tchula. Um dos compositores mais célebres do Brasil. Mesmo sem você saber, é muito provável que tenha escutado uma música dele cantada por outros artistas.

 O goiano assina uma série de composições atuais, tais como: "Cuida bem dela", "Até você voltar", "Quem ama sempre entende", "Ele não vai mudar", "Tudo com você". Além das canções, "No dia do seu casamento", "Ligação", "Bonde dos solteiros", "Saudade pendente", entre outras.

 Confira uma entrevista exclusiva do Blog da Vivinh feita com o fenômeno Juliano Tchula.

 Blog da Vivinh: Como o interesse pela música surgiu? Foi natural?
 Juliano Tchula: Então, foi uma coisa assim... Que foi de geração para geração. Meu pai gosta muito de cantar, de segunda voz, tenho vários primos que são cantores, tanto da parte do meu pai quanto da minha mãe, é, já tinha amigos cantores e tudo, mas eu não sabia desse dom, foi quando eu comecei a trabalhar na usina de álcool em Rubiataba, Goiás, interior de Goiás, trabalhava de madrugada e comecei a escrever, já escrevia, mas comecei a notar que eu tinha uma certa facilidade para escrever e depois de uma decepção amorosa que eu tive aí eu comecei a colocar tudo no papel e daí por diante, foi bastante natural o processo. 

 Blog da Vivinh: De onde vem a inspiração?
 Juliano Tchula: A inspiração vem de coisas que eu vivo, muito sentimento, muito coração, muito alma. É, às vezes junta com o compositor que está passando por isso e você tenta viver, falar, o que ele quer na música e você entra na história do cara, do compositor, da compositora, porque a gente, eu e a Marília, a gente gosta de escrever o que a gente vive. Às vezes eu não vivo a história, mas eu entro na história para viver a história. 

 Blog da Vivinh: No início, você passou por alguma dificuldade? Sofreu alguma crítica? Como reagiu a isso?
 Juliano Tchula: No início eu passei por várias dificuldades. Eu morava no interior, tinha que me deslocar para a capital para ter alguma oportunidade. Fui conhecendo, mandando minhas letras, minhas ideias com melodia, eu não canto, eu não toco, mas eu faço tudo de cabeça e o pessoal foi gostando, foi me convidando, "vem para Goiânia e tal", às vezes não tinha muita condição, é mostrava as músicas para os amigos, alguns falavam "vai fundo, vai em frente", outros falavam "não, tenho dó, você está mexendo com isso? Que besteira!", então, tipo assim, de certa forma você sabe os verdadeiros, sabe quem é, os que apoiam de verdade. 

 Blog da Vivinh: Qual é a sua composição favorita? E, qual delas foi a ascensão da sua carreira como compositor?
 Juliano Tchula: A minha composição favorita é a "Até você voltar" que eu fiz em parceria com a Marília Mendonça e o Henrique e Juliano gravaram, que é "de copo sempre cheio, coração vazio, tô me tornando um cara solitário e frio". Então, ela foi a que abriu as portas, o começo de tudo, onde tudo deu certo para mim e tudo deu certo para Marília. Então, a gente cresceu junto e com essa música. A gente tem essa música como nosso xodó e depois dela tem a minha lista de preferidas, mas ela, com certeza é a número 1. 



 Blog da Vivinh: Além da questão do talento, que todo compositor precisa ter, há algo a mais no seu processo de composição? Alguma estratégia,  um raciocínio mais calculado?
 Juliano Tchula: Então, a questão do talento, do dom, que todo compositor tem que ter, isso é indiscutível. É um dom, como já fala, não é para qualquer um que queira compor. Mas, hoje em dia, nem só as músicas que falam do que você está passando fazem sucesso, às vezes, hoje em dia tem que ter uma criatividade para você falar de algo que nunca foi falado. Então, eu falo que hoje, você tem que ter 50% de dom e 50% de criatividade. Se te faltar algum dos dois, aí meu amigo, você está no lugar errado.

 Blog da Vivinh: Como você está se sentindo diante de todo o sucesso que suas composições estão fazendo?
 Juliano Tchula: Então, quando eu vejo as minhas composições, todo mundo cantando nos shows, emociono, arrepio, várias sensações que todo compositor tem quando vê aquele sucesso que a música está fazendo. É de arrepiar. É, assim, eu graças a Deus já tenho muita coisa assim. Quando eu vou a convite de algum cantor que gravou alguma música minha e vejo nos shows todo mundo cantando, é uma coisa que poderia ser natural, mas ainda me causa a mesma sensação sempre. E, isso é maravilhoso. 

 Blog da Vivinh: Você já compôs para grandes nomes do meio musical. Como é para você estar vendo suas composições sendo cantada pelas maiores vozes do sertanejo?
 Juliano Tchula: Então, igual citei acima, estar vendo as minhas composições cantadas por cantores que eu nem imaginava que um dia gravariam as minhas músicas. O principal deles é Jorge e Mateus. Um dia eu brinquei, falei: "o dia que Jorge e Mateus gravar uma música, eu paro de compor". Aí, fui e falei pra eles, e ele falou assim: "não, aí que você tem que compor meu amigo". Então, hoje, tenho uma relação muito boa com eles, sou amigo deles, quando me veem, me tratam com o maior carinho. É, tenho música gravada com eles que foi a realização de um grande sonho. Não só com eles, mas com vários artistas sertanejos. Veio gente agora que está surgindo com essa força e saber que com todos eles eu tenho músicas, é uma alegria muito grande.




 Blog da Vivinh: Fora a relação especial que tem com a Marília Mendonça, quais outros artistas você gosta de trabalhar e sente que teu trabalho flui mais naturalmente?
 Juliano Tchula: Então, a minha parceria com a Marília é mais que um trabalho, uma parceria, uma amizade, uma irmandade, de vida né, então, a gente sempre está junto e, eu sou amigo do Henrique e Juliano, Zé Neto e Cristiano, Maiara e Maraísa, muito amigo, assim, às vezes flui bastante bem assim trabalhando com eles, compondo, mas, eu acho que um dia eu não tivesse mais perto da Marília e fosse trabalhar com algum deles me faltaria algo, porque eu e a Marília temos uma sintonia muito grande. E, eu não me vejo trabalhando com mais ninguém que não seja a Marília, e, o dia que alguma coisa assim acontecer, você pode ter certeza que eu já estou realizado e já, talvez ela não precise mais da minha ajuda e isso vai ser bem difícil de acontecer porque a gente tem uma sintonia, uma ligação muito forte. Eu acho que eu não me sentiria bem de trabalhar com ninguém que não fosse a Marília. 



 Blog da Vivinh: Você tem, hoje, controle completo sobre a sua obra? Sabe quantos artistas já gravaram, quanto já vendeu e coisas assim?
 Juliano Tchula: Então, sobre o controle das minhas obras, eu tenho sim. É, eu tenho controle e mais ou menos sei quantas músicas já foram gravadas. Eu creio que mais de 600. A gente tem o controle, sabe os valores, sabe tudo. Hoje em dia, você tem um acesso muito fácil, tem a Associação dos Compositores, tem editoras, então, eles te passam tudo. É uma coisa que não é repassado 100%, tem algumas falhas no sistema, mas não tenho nada do que reclamar, pra mim está ótimo.

 Blog da Vivinh: E qual a expectativa nas composições para 2017?
 Juliano Tchula: A expectativa para as composições de 2017 são as melhores possíveis. A gente está vindo com muitos artistas que já vão gravar confirmados para 2017, tem o Zé Neto e Cristiano agora no final do ano que lançaram uma música com participação da Marília Mendonça, tem outros artistas que também gravaram música da gente em parceria. Tem Aviões do Forró pegaram músicas para gravar agora, tem Gusttavo Lima. Várias músicas nossas no novo DVD da Marília, é, sem falar do restante do pessoal do escritório WorkShow que a gente ajuda bastante. E eu acho que tem tudo para manter o alto nível das composições. Henrique e Diego vai lançar, vários e vários cantores. E fé em Deus, não pode deixar a coisa cair e voltar a compor bem e bastante, porque essa correria com a Marília e acabei focando muito no trabalho dela e não foram igual aos outros anos que passei música para todo mundo, mas agora a gente já deu uma aliviada e vai dá um jeito de mostrar para a galera as composições disponíveis e que Deus abençoe aí. E, vai vir muita coisa boa, se Deus quiser.

 Blog da Vivinh: Quero agradecer ao Tchula pela entrevista e pelo carinho. Fiquei super feliz em contar mais um pouquinho dele para vocês. Desejo muito sucesso para você!
 Juliano Tchula: Eu que agradeço a oportunidade de estar falando um pouco de mim, do meu trabalho para você, obrigado mesmo, de coração! Um super beijo, fica com Deus. Feliz Natal e um próspero Ano Novo para você e sua família. Um beijo.

 Para conferir as composições do Tchula, clique aqui, playlist top! Ouça!

 Espero que tenham gostado!

 Deixem nos comentários a sua opinião.

 Beijinhos,

 Vivian.

6 comentários:

  1. Esse menino é fenômeno

    ResponderExcluir
  2. Para o mundo! Conheci o mito que escreve minha vida nas músicas atuais.

    ResponderExcluir
  3. Lindas composições!

    ResponderExcluir
  4. Depois de ouvir as músicas vontade de rastar os chifre no chão, aoow sofrência. O cara é bom.

    ResponderExcluir
  5. Já vou seguir ele no insta, lindo demais

    ResponderExcluir